Kiko fazia primeiro contato em circuito de rua, quando prova foi cancelada

São Petersburgo-FL, 14 de março de 2020

 

O desejo de todo piloto é estar sempre na pista, acelerando, superando seus limites pela vitória, quando se trata de corrida de automóvel. Vontade que não era diferente para o brasileiro Kiko Porto(Banco Daycoval / Petromega / DEForce Racing / Speed Group) na abertura da temporada 2020 da Road To Indy – USF2000. Prova que estava prevista pra este fim de semana nas ruas de São Petersburgo, na Flórida.

 

Porém, a pandemia de Corona Vírus (Conv-19), fez a organização da Road To Indy cancelar as primeiras etapas da Indy Lights, Indy Pro2000 e USF2000. Os pilotos chegaram a ir para pista para um treino livre, mas logo na sequência as equipes foram informadas do cancelamento das provas.

 

Pela primeira vez correndo em um circuito de rua, o piloto da DEForce mostrou que as chances de chegar entre os primeiros eram reais. Logo que a pista foi liberada para os treinos, Kiko mostrou uma adaptação rápida e chegou a andar entre os mais rápidos no Circuito de São Petersburgo, mas uma bandeira vermelha e logo depois a notícia do cancelamento da prova, atrapalharam os planos do piloto brasileiro do carro número 12.

 

“Estava indo muito bem nesse meu primeiro contato com circuito de rua. É sempre uma prova que você corre no limite e não tem direito a errar. Mas acredito que teríamos uma boa chance de chegar ao pódio, se não fosse esse cancelamento. Agora é esperar o mês de abril em Austin, e se Deus quiser vamos fazer um bom trabalho”, comentou Kiko Porto, logo após o comunicado ser anunciado.

 

Com o cancelamento, a previsão é de que em abril tudo possa voltar à normalidade no Circuito das Américas, em Austin-TX, programado para acontecer de 24 a 26 de abril. Aí sim, dando início à temporada 2020.

 

Facebook:

https://www.facebook.com/KikoPorto12

Instagram:

@kikoporto_12

Website:

www.kikoporto.com.br

 

KMCOM

@kmcomassessoria

Jornalista Responsável:

Kako Marques – MTB 1379

Fones: +55 (83) 98757 8711 WhatsApp

 

Foto: Chris Bucher / Road To Indy